Momento Poesia

Tipicamente Paulistano Desatino, Destino Butantã… As portas se abriram… Tempo de entrar. Soa o sinal, e o minhocoçu subterrâneo, trafega em vais e voltas, até a Paulicéia desvairada. Saída: Consolação.A vida começa, vida cultural,no pufe de uma grande livraria. O sanduíche de trocentas combinações, a loja com iPad, a igreja para os fervorosos de fé…Casa […]