Remake-ing

Vórtice: doxoduto ad infinitum Triunvirato cosmicum babilônico desvario Se manifesta védico compêndio upanishad ulterior Deslocamento espaço-temporal conceito profuso, fato inerte Esvoaça! Esvoaça!!! apocalíptico o desvelo terrível e a redenção no ajoelhar diante da imagem curvilínea áurea virtude nevisse presente Qual diva circuncisa qual musa conspurcada qual vate incrédulo qual desafio prospecto qual uno proveito qual […]

Derradeiras Epifanias (As Primeiras de Muitas)

Fim dos tempos, a xícara de café anuncia a derrocada, as putas lotando a esquina, incorrigível concorrência, a desmagnetização planetária, o caos econômico, o terremoto some-areia, o olho-por-olho imperando, a intolerância reinando, o swing rolando, ninguém é mais de ninguém… A noite clarifica mais que o dia, a xícara de cafeína fortificada, o LSD vendido […]

Momento Poesia

Indigonista Lexapren, Hidroclorotiazida, duplo-cego Haloperidol-Aripriprazol; cinco tubos com amostras de 5 ml de hemoglobinas trifiltradas cada, Um retrato do meu interior… Todo dia, tomar cinco cápsulas (duas de manhã, antes do café, e não posso tomar suco de uva!) e encarar essa complexa realidade… Saio de casa para a padaria: fecham-me a porta. Sigo para […]