Radar Musical: Sessenta e Um

Coldplay

Viva la Vida or Death And All His Friends

[EMI / Parlophone, estúdio]


Seguindo a empreitada de aquisições valiosas, me lembro de uma nos idos tempos, áureos e vigentes, das idas à paulista, nas diversas lojas do ramo pra adquirir estas preciosidades, da qual este álbum do Coldplay faz parte.

Também este álbum lembra os despretensiosos tempos que me estabeleci nessa pacata cidade da qual vos falo aqui neste interior paulista, quando tinha dois colegas de uma loja de shakes, fãs declarados da banda.

Também a banda me traz à lembrança os primórdios da minha duradoura relação com o gênero maior. Durante esse período, músicas do segundo álbum caiam ao gosto do público, e foram dos sucessos mais recentes que se consagraram ao meu gosto, competindo com bandas recentes e antigas, simultaneamente (também chamado de fase de descoberta).

Voltando ao álbum em si, lembro esclarecido a ocasião em que o adquiri, na presença coincidida com colegas de curso, que lá passavam para namorar os mais diversos itens das mais diversas categorias.

[eu só namoro mais hoje em dia CDs, DVDs e livros, e só!]

E, muito versado nessas coisas de álbum, me surpreendi com as benesses melódicas concedidas pelo álbum… Não sei se pela influência dos colegas, se pelo tradicionalismo que impingi da banda pra mim nos primórdios, ou a atmosfera da paulista… Só sei que foi daquelas aquisições inarrependíveis.

Setlist

  1. Life in Technicolor: bela música ambiente, com um característico upbeat embutido e com direito a um breve oo-oohs;
  2. Cemeteries of London: clima pouco ortodoxo de teclados, atmosfera fúnebre inicial e um contraste musical intenso… e piano no final, arrebatador;
  3. Lost!: grandioso, empacotado pro sucesso, mas que parece mostrar pouco da inovação alcançado aqui pela banda. Boa por sinal, mas não tão boa frente ao que já mostrou de início;
  4. 42: isso não é um lullaby, mas uma legítima canção de ninar ajustada aos atuais tempos… Hahahaha! Coldplay surpreendendo… Depois de um tempo vira um agito!
  5. Lovers In Japan / Reign of  Love: vamos brincar de descobrir onde está a divisória? Grandiosa como costuma ser no começo… E quase que nos quatro minutos (fácil) suaviza no início e mantém o padrão de suavidade por todo o conjunto. O conjunto contrastivo merece uma atenção especial;
  6. Faixa de destaqueYes: orquestração oriental sem igual, voz contida, quase que nas oitavas mais reduzidas… Ouço cítaras? Violões? Violinos? Cordas à solta por todos os lados! E densidade sem igual nos intermináveis sete minutos gloriosos que se dividem entre as cordas e os sintéticos;
  7. Viva la Vida: a música polêmica – o riff coincidente e dito plagiado de Satriani; o violino e o videoclipe bela-arte… e a grandiosidade que anda se consagrando por aqui;
  8. Violet Hill: e a suntuosidade atinge seu ápice na mais grandiosa melodia expurga-males incessantes que há muito e desde sempre me conquistou, com uma deixa melódica de arrasar (merece emoticon); :’)
  9. Strawberry Swing: algo totalmente diferente, um quebra-gelo, diante de tanta coisa aproveitável, sem perder o pique;
  10. Death and All His Friends: algo denso, entretanto elaborado e com uma suavidade ímpar, contrastante com um peso de rock alternativo crescente, uma orquestração incrível digna de encerramento de álbum, sem falar na quase reprise do inicio do álbum… uma sugestão de looping.

De perder o fôlego

Tudo no lugar, poucos deslizes… tão poucos, dignos de considerar essa a obra-prima dos últimos dez anos até ela feita então. Suspeito eu, mas…

EstrelaEstrelaEstrelaEstrelaEstrela


Ouvindo... Coldplay: 42

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s