Momento Poesia: Transcendência

Rotina diária, inclarividenteo ocaso de um alucinógenotransformando a realidade: O que antes era cinza, hoje contentelançado ao prognósticoda irresoluta inverdade Se dissipa em lances vertiginososmalabarismos metaplasmáticossequências de zero sendo divididas continuamentee astronômicos domínios compondo sinfonias cognitivas Visões da décima primeira dimensãotáteis, avatares e segunda pele mesclam-senesta ulterior realidade, compondo fragmentoscomputacionais virtualizando seu plano unívoco… Unívoco […]

Essas Mãos…

Num mundo onde as palavras recitadas perderam seu valor, olhou-se um pouco mais abaixo. Em silêncio, se percebeu que havia uma parte do teu corpo amarrada, amordaçada pelos ruídos escabrosos e estúpidos da escória (des)humanista, patriarcal, e agressiva. A desumanidade tomou posse da voz cantada, e o que sobrou foi uma triste e fúnebre elegia, […]

Momento Poesia: Oceanphoenix

Há momentos em nossa vida, que precisamos transcender as barreiras espaço-temporais Refaz, na tua ausência permanente, a presença-deusa em ti congressa, queira, possessa a tua espada lancinante versa e anversa na alma impressa, produz em mim calor gritante nesta tua producente arma sincera. Oceano de mares doces,Ares de jasmim frutífera em cores, peço humildemente, presente […]