Radar Musical: Quarenta e Sete

Ryan Adams

Easy Tiger

[Universal/Lost Highway Records, estúdio]


Após um hiato de cerca de três anos, duas experiências de teatro, uma mudança – drástica – de endereço, duas oportunidades profissionais, duas acadêmicas e uma destas por fim sendo assentidas – a mais importante que me vejo carregar hoje que é realizar um curso superior em Letras na USP [quem lê este blógue já o sabe]. Tal curso me permitiu resgatar, com mais profundidade, o senso crítico universitário que precisava fundamentar naquele passado – grifo no passado – de Matemática.

Nisso, houveram muitos crescentes e decrescentes no meu gosto musical: descobri com propriedade o Reggaeton, voltei a ouvir mais rádios POP, ou não; mas ainda mantive minha velha biblioteca, que cresceu com essa nova preferência. As canções lugares-comuns viraram apenas posses que seria costume ter… Descobri as famosas e temidas bandas “lugares geográficos” e gostei de algumas coisas nelas… Construí essas resenhas anteriores, até a de número 46. Mas as preferências ainda estão lá, encabeçadas como as concebi. Precisava de algo novo.

Nesse contexto, numa ida ocasional ao antro consumista – diga-se shopping – em busca de obras da sétima arte dignas de nota [em breve preparo uma resenha sobre uma delas], deparei-me com dois álbuns, tão díspares quanto as preferências que eles impeliam em mim. Este é o primeiro que me veio a interesse, embora não o primeiro pretendido.

Tinha que ter alguma coisa do Country Alternativo, e devido à fama deste sujeito, neste álbum com um conjunto, decidi apreciar tal obra, tal como segue, ainda a digeri-la.

Setlist

  1. Goodnight Rose: tem uma toada de country xumbrega, mas vale pelo lírico e o anasalamento vocal.
  2. Two: a levada é indistinguível, a linha entre o que é Rock e o que é Country está pouco evidente, mas se analisarmos o lírico, tende mais ao segundo lado. Nada que desvalorize a composição, até aqui vemos uma crescente ascensão do conjunto.
  3. Everybody Knows: quem conhece Thick As a Brick do Jethro Tull? Eu acho que notei um plágio por aqui… Ou foi o excesso de café que se toma ao ouví-la (ou a sugestão de tomar café que ela imprime)?
  4. Faixa de destaque Halloweenhead: ousei eleger esta como uma faixa digna de execução de rádio. Feeling impressionante, o constraste harmonia e quebras… Espero não ter criado expectat5ivas tão logo de início. E pena ela não durar tanto assim.
  5. Oh My God, Whatever, Etc.: sempre há de haver um acústico em minhas escolhas… é uma perseguição. Pelo menos, esta é uma das mais bem elaboradas que já ouvi.
  6. Tears of Gold: poderia chegar lá, mesmo sendo Country Alternativo. Mas chega lá sendo Country Mainstream…
  7. The Sun Also Sets: evoca, musicalmente, Eagles. Mas cria uma identidade própria, digna de nota dentro do Universo Rock.
  8. Off Broadway: cria-se, aqui, toda uma atmosfera espacial bastante interessante.
  9. Pearls on a String: paradoxo – uma canção tipicamente encaixada no conjunto Country, mas com uma lírica fenomenal. Pena acabar no mesmo ritmo em que começou.
  10. Rip Off: a música dos se – a ambição lírica [não tão grande quanto a de um Bob] e os arranjos fenomenais são pouco ortodoxos.
  11. Two Hearts: esta é uma daquelas canções que seguram a ponte de um álbum de Country Rock para que ele não pareça apenas Country.
  12. These Girls: difícil categorizar esta. Ela soa tão comum e ao mesmo tempo tão intrínseca…
  13. I Taught Myself How to Grow Old: a gaita deu créditos o suficiente para dizer que essa balada mereça ser canção que encerra o álbum com chave de ouro.

Eta Peão!

O álbum tem seu charme, mas é bem magrinho. Vale um bom conceito, apesar de ser uma das primeiras audições…

starstarstarstar



Ouvindo... Ryan Adams: Two Hearts

Com esse artigo, retomo [se possível] minha rotina de publicações, Pelo menos aos fins de semana. smile_teeth

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s