Resenhas Filosóficas: Quatro

Fragmentos Acerca do Ser

Resumo de livro. Fonte:

Email Nietzsche,
Friedrich;

Aurora

ISBN 85-7556-866-3

(Morgenröthe)

Ed. Escala, 2007


Email Ibiúna, quarta-feira, 18 de março de 2009

O homem sujeita-se a valores pela
conveniência ou por uma definição que se perpetua
por uma prática unilateral de tradição, cuja
alternativa não se apresenta pelas gerações mais
vividas sobre as menos vividas? O autor justifica a segunda tese
através de mais de quinhentos fragmentos versando sobre
assuntos concernentes a isso.

Contestar valores triviais em nossas
realidades pode gerar dois caminhos distintos, ao se impor uma luz
sobre a análise delas: ou verifica-se a certeza das hipóteses
levantadas, ou observa-se uma incoerência diante do fato e da
especulação – e a obra encontra-se sob essas duas
sentenças.

Compor um traço acerca da
atuação do homem sobre si e no relacionamento com
outrem consiste uma tarefa sensível da qual o autor desejou se
propor – e que, mesmo após um primeiro choque visual, vale a
pena ser relido.

Estrutura: LâmpadaLâmpadaLâmpadaLâmpada e ½

Clareza: Boca abertaBoca abertaBoca aberta

Conteúdo contestativo:
BravoBravoBravo

Avaliação final:
EstrelaEstrelaEstrela


Oh… Sem músicas! O aparelho de MP3 está com um sério problema…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s