Mensagens aos Leitores, Amigos e Afins

Do porquê o não lembrar do Natal, e da não-comunicação imediata com as pessoas


Psicologia Embora nos dias atuais eu não creia que assim que consideramos o dia presente como do ano seguinte, como tudo mudado, pois as etapas se sucedem em continuidade, digo que o último triênio encerra uma etapa em que certeiras situações que ocorreram em minha vida.

Em resumo? Os frutos colhidos nos últimos três anos delinearão grandes mudanças a partir de agora.

Projetos sólidos se sucederão como bases do que foi feito nestes três anos que se passaram. Literários como Karta Citina; filósofo-literários como os ensaios do 35º Fonema; os inéditos filosóficos, como o pessoal Estudos Metafísico-Analíticos Sobre As Sistemáticas do Conhecimento Através das Quéreres, que, se possível, comporá partes da Maçã; a ’27º Letra’, com análises dos cotidianos de um pensador; os Radares Musicais, como impressões dos álbuns de CDs que possuo – e virei a possuir, et coetera.

Speed of Sound Tudo isso porque novas mudanças de rotina serão necessárias. Coisas diversas serão necessárias a se fazer: obter recursos financeiros, para redispor as conexões que não possuo em casa e custear meu assumido futuro que é este: dispor das Letras.

No princípio, achava que seria bobagem compor todas essas coisas, mas todos os acertos, e erros descabidos, e acertos que julguei erros ao longo do caminho delimitaram o que sou hoje, um profundo pensador sobre sua própria situação, enquanto um fácil assimilador de conhecimento neste mundo.

Parti para o difícil novamente…

Cansei de ser o estudioso só pela auto-satisfação falsa de estudar. Quero fazer algo prático – mesmo que metafísico – pela minha pós-existência.

Assim, não só jogo as decorebas, datas e métodos prontos dos que somos obrigados a repetir da escola e manter junto conosco, como fazer com que essa nova sistemática da qual adotarei de percepção da existência, de maneira lógica e segundo os princípios da causa-conseqüência do senso-comum. Estes que ditam como devemos aprender as coisas, mas sim, agora, fazendo uso da relexão para saber de que vale tudo isso.


No mais, relações humanas não irão mudar.

Philosophia O que simplesmente irá ocorrer é que, os poucos relacionamentos constantes de minha vida não-físicos com qual mantenho freqüência (digo nisso Orkut e W. Live) podem ficar prejudicados devido às peripécias do tempo. Soma-se ao trabalho e aos estudos um desafio dramatúrgico que me foi concedido como projeto-alvo do ano vindouro, de minha ocupação de lazer. Verei se posso fazê-lo com qualidade e disponibilidade.

Ao pessoal do teatro de Osasco – trupe BrancaLeone – Cidade da Catenária, vai o meu muito obrigado pela experiência de encontrar um escape para minhas necessidades que estavam presas em meu pensamento. Lisístrata (2007) foi o marco em minha vida. Uma pena que o projeto não vingou nos poucos dias que aí me mantive.

Ao pessoal da verdejante Ibiúna, em especial a Cia. Una D’Art, que ofereceu a possibilidade de visualizar outros modus operandi do fazer teatro: apesar das falhas e das faltas – mais faltas e mais minhas – e dos prazos que desgastaram, A Trágica História de Romeu e Julieta (2008) ficará como uma experiência que me apropriou do trabalho que constituiu meu trabalho anterior na Cidade de Catenária. Assim, espero que os próximos trabalhos, mesmo não tão extensos quanto os dois primeiros, se tornem proveitosos como os outros foram.

A todos que contribuíram que este triênio eu estivesse como hoje estou, meus sinceros "muito obrigado".

E a todos que acreditam que após a virada do relógio tudo se transformará vigorosamente, um feliz Ano Novo cheio de realizações.

Aguardem por novidades!


Ouvindo... Coldplay: Talk

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s