Bárbara Dialoga

Por Bárbara K. Svenska


"Finalmente o Terrinha extinguiu essa idéia de AI-27. Agora tudo fica mais fácil.

Oi, pessoal, tudo bem? Sentiram saudades de mim? Pois é, também senti a de vocês.

E agora a distância encurtou: estou de volta à Nação da Buchada de Bode e do Baião pra Dois, acho que chamam assim [não Bárbara, é Baião de Dois]. O período de estadia minha na Rússia, apesar de ser curto – não levou nem seis meses direito – foi muito aproveitável, em meu serviço na loja lusitana lá em Samara. Calorzinho bom aquele do aquecedor central, dava até para arriscar um vestuário mais tropical… pelo menos até abrirem a gélida porta de entrada. Uhhh… já fico até arrepiada.

Mantive um contato regular com o poderoso chefão do Brejo do Sapinho a e-mail tradicional. E me abriu a curiosidade sobre esse Solo Sagrado que ele diz ter passado uma experiência incrível. Ele diz ter ficado feliz pela minha volta, logo no início do ano, e espera conhecer-me o mais rápido possível. Pena que estou recomeçando minha vida aqui em Floripa, quase do zero, com a ajuda dos velhos amigos e do (não contem a ninguém, tá amigas?) meu querido-que-não-sabe-que-é-querido hispânico (e como ele não é, ele não imagina que é meu gato). Saudades desse pessoal também… confesso.

Vou retomar meu superior de letras, e quem sabe em breve, venha com uns contos de ficção bacana para preencher esse espaço abarrotado de filosofias (não ligue, chefinho) [tudo bem… quase todo mundo critica mesmo meu ato de filosofar, já estou acostumado].

Ah… e bom ano a todos."


Pra você também, querida Bárbara.

 Pearl Jam: 1/2 Full

Publicado por Potingatu

Estudante de Língua Portuguesa e Linguística pela FFLCH - USP (2010-5), entusiasta e experimentador do máximo de artes que for possível.

%d blogueiros gostam disto: