Engessando Idéias


"Acabaram-se os passes escolares para ir me deslocar até a faculdade. E, há um tempinho, venho fazendo bom uso semanal das azuizinhas de dois mangos, duas vezes num tal dia, tipo uma terça ou quinta, para não estagnar minha cuca da ação da preguicite aguda que já insiste em me aturdir toda manhãzinha.

E fico pensando: ‘Ah, que saudades das épocas matutinas do Campesina [quando era única e somente Campesina] onde podíamos sentir-nos jovens, sem muitas responsabilidades nem anseios…’ e percebemos que às vezes deixamos passar o momento, que indubitavelmente não é opção nossa, pois há outros fatores em jogo como disponibilidade, dinheiro, possibilidade e, sobretudo, vontade. Isso, sem dúvida, afasta de nós aquele ideal sócio-pessoal de manter nossas amizades sempre ativas e presentes no nosso Real Mundo.

Mas se matuta mais um pouquinho, e olha, percebe-se uma coisa muito importante: há quinze recados novos de seus amigos do Orkut [que coisa incrível, pfffs]. Aí que notamos o quanto ficamos engessando nossas idéias no passado, e paramos de vivenciá-las no presente."


Melodicamente falando…

Def Leppard: Too Late For Love

Publicado por Potingatu

Bacharel e Licenciado em Língua Portuguesa (2010-7), FFLCH / FEUSP. Aspirante-a-mestre-acadêmico não-qualificado em Filología e Estudos do Discurso em L. P. (idem, 2017-8). Pesquisador juramentado diante do MCTI de Marcos Pontes e com préstimos ao 🇧🇷. Sigamos!

%d blogueiros gostam disto: