Momento Poesia Capítulo Dois

Saramagos que se cuidem!!!


Apelo no Ararat

"Estava eu, numa planície tediosa
donde após o dilúvio, Noé desembarcou
uma imagem e aquele lugar me marcou:
foi ali, eu te vi, mulher de alma maravilhosa

Você me olhou e não quis lhe enxergar
só tinha vista para uma pilastra
pobre coração que não quis suspirar
pelo medo; da vontade, a madrastra

A frieza, irmã da ignorância
levou-me o coração de ti separar
pois seu rosto lindo, humilde e sem ganância
pelo acaso, nem imagem e memória pude gravar

Fiquei então de coração amargurado
seu coração magoou, por mim ficou ficou receado
quarenta dias Noé navegou, e com Deus fez uma aliança,
e minha arca cheia de água, num dia de bonança

Não fique, ó coração, de mágoas sucumbindo
porque a Esperança nunca desiste
visto que tu, pelo simples fato que para mim existe
é parceira do meu Amor; minha vida vai seguindo."

Em quatro de dezembro de 2002


 Scorpions: Still Lovin’ You

…Sugestivo… não acham?

Publicado por Potingatu

Bacharel e Licenciado em Língua Portuguesa (2010-7), FFLCH / FEUSP. Aspirante-a-mestre-acadêmico não-qualificado em Filología e Estudos do Discurso em L. P. (idem, 2017-8). Pesquisador juramentado diante do MCTI de Marcos Pontes e com préstimos ao 🇧🇷. Sigamos!

%d blogueiros gostam disto: